Um vídeo de 2020 revela como o empresário Carlos Wizard, que se tornou bilionário ao vender a rede de escolas Wizard, fez charlatanismo ao promover o suposto “tratamento precoce” contra a covid-19.

Do Brasil247

Depois de uma visita à cidade de Porto Feliz (SP), ele disse que ninguém morreria porque o prefeito ofereceria um kit com cloroquina e ivermectina à população. Consultor informal do ex-ministro Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde, Wizard é suspeito de ter financiado o lobby para mudar a bula da cloroquina, contribuindo para o genocídio do povo brasileiro. Confira o vídeo: