Candidato do PSD à prefeitura de Goiânia falou à Rádio Sagres e disse que respeita todos os institutos e que apesar dos ataques segue liderando na maioria das pesquisas,

O candidato tem intensificado as carreatas, caminhadas, reuniões, sabatinas e entrevistas nesta reta final e vai continuar da mesma forma até o dia da eleição. “Nós achávamos que os eventos não teriam aceitação, por causa da pandemia, mas as pessoas querem ouvir as propostas. E o eleitor não aceita muito os candidatos que apenas criticam o outro, sem apresentar o que será feito”.

“Tem pesquisas para todos os gostos. E respeito todos os institutos. E nas pesquisas internas, mesmo com tantos ataques e jogos baixos, estamos liderando. E nós vamos ganhar. É trabalhar. A melhor pesquisa é a do dia da votação”, afirmou Vanderlan em sabatina na Rádio Sagres nesta sexta-feira, 6/11.

Vanderlan tem visto o que ele chamou de “jogo de pesquisas e desconstrução” como um projeto da velha política. “Eu tenho dialogado com os eleitores. É a forma que eu faço política”, disse ao reafirmar que os ataques que tem sofrido nos programas eleitorais, especialmente do MDB e PT, mostram que os projetos para colocar Goiânia em um novo momento estão incomodando.

Uma destas principais propostas para cuidar das pessoas é dar condições para as pequenas, médias e grandes empresas de Goiânia possam crescer e, com isso, gerar emprego e renda em todas as regiões da cidade. Para isso, Vanderlan vai implantar os polos de desenvolvimento em toda a cidade, de acordo com a vocação local.

“Queremos firmar as pessoas em suas regiões. Podem ser feitos vários polos de desenvolvimento em cada uma das sete regiões da cidade. E ainda conseguiremos melhorar a mobilidade urbana na cidade, diminuindo a lotação no transporte público. Isso é fazer uma gestão nova, como foco em cuidar das pessoas e trazer qualidade de vida a todos os goianienses”, afirmou o candidato.

Regionais
As regionais administrativas, que vão levar os serviços da prefeitura para perto das pessoas, é outra aposta de Vanderlan para melhorar a vida das pessoas. “A nossa intenção é de ter locais nas regionais para fazermos trabalhos da Comurg, base do SAMU, Bombeiros, Polícia Militar, Civil e Guarda Civil Metropolitana”.
O candidato do PSD afirma que as regionais não vão aumentar custos, mas sim diminuir, pois os trabalhadores estarão alocados próximos de suas casas e a prefeitura vai resolver tudo que precisa na região, sem grandes deslocamentos de máquinas e servidores. “Não sou eu que estou inventando as regionais, isso funciona em várias cidades do Brasil”.

Com isso, Vanderlan acredita que vai valorizar os servidores públicos, para melhorar a qualidade do trabalho deles, que vão poder exercer suas funções perto de caso. “O investimento no Funcionário Público não é como salgar carne podre, como meu adversário fala. É só voltar no passado para sabermos quem não valoriza o funcionário público”.

Saúde
“Nosso foco é cuidar das pessoas”, disse Vanderlan ao responder sobre a saúde em Goiânia. Segundo ele, os principais projetos são levar a cobertura do Programa Saúde da Família a 100% nos locais que precisam, além de implantar os centros de especialidades médicas e odontológicas nas sete regionais. Outro compromisso é o programa Remédio em Casa para pessoas com doenças crônicas e os acamados.

“São projetos simples e que vão melhorar a vida das pessoas. Vamos fazer ainda o Hospital da Criança, uma reivindicação antiga da nossa cidade. E precisamos também falar da pandemia. Eu fui o único candidato que fez um programa inteiro sobre vacinação e Covid-19. Sendo aprovada a vacina, faremos uma vacinação em massa em Goiânia, com parcerias com os governos estadual e federal”, finalizou Vanderlan.