Em 13 dias consecutivos, foram oito internações, seis em enfermarias e apenas duas em UTIs. Dados apurados de 22 de abril a 04 de maio deste ano revelam que existiram dias em que leitos permaneceram sem ocupação.

Trindade registrou, em 13 dias consecutivos, queda no número de internações pela Covid-19 em enfermarias e Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Os dados apurados de 22 de abril a 04 de maio deste ano revelam que existiram dias em que as internações em enfermarias e UTIs permaneceram zeradas.

Durante 13 dias foram oito internações, sendo apenas duas em UTI. As informações ficam registradas nas redes sociais e no site oficial da Prefeitura de Trindade.

A testagem em massa das pessoas que vivem no município, é uma das medidas adotadas pela Prefeitura de Trindade.

Ao ser testado, o positivado passa por consulta onde recebe medicamentos para controle dos sintomas, logo no início da doença. Além disso, os profissionais orientam o isolamento social e fazem o monitoramento da saúde do paciente por telefone.

A fiscalização durante os decretos e o escalonamento das atividades econômicas no município também são responsáveis pelos números da última semana.

O diretor de Vigilância Epidemiológica, Leonardo Izidório, reforça que, apesar da queda, os cuidados para evitar a disseminação do vírus devem continuar. “Nenhuma cidade está imune, as normas de prevenção devem ser respeitas”, afirma. Ele lembra que o distanciamento social, o uso de máscaras de proteção e álcool em gel são essenciais.