A pandemia alterou a forma de abordagem na área de esporte e lazer em todo o país. Em Trindade, não foi diferente, com redução e controle da oferta. Mas a Prefeitura Municipal não estagnou o setor e garantiu várias atividades durante os seis primeiros meses de 2021. Nos 101 anos da cidade, lançou esse mês o Projeto Mexa-se

Como parte do aniversário de 101 anos de Trindade, foi lançado, este mês, pelo prefeito Marden Júnior, o projeto Mexa-se, que leva atividades ao ar livre a 15 Unidades Básicas de Saúde (UBS) e a outros seis pontos. Idealizado desde o tempo em que era vereador, o projeto oferece treinamento funcional e aulas de dança à comunidade.

Já no primeiro semestre, no Parque Lara Guimarães, ocorreram 180 agendamentos para as quadras de areia, 110 para as de tênis, 115 para as poliesportivas, 113 nos campos gramados, 46 no kartódromo, e uma média de 50 pessoas circulando por dia nos horários de pico pelas pistas de caminhada e área verde do parque.

A Secretaria de Esporte e Juventude agendou 727 horários para times da comunidade nos ginásios Hugo dos Reis, Antônio Lopes Fonte Boa, José Cardoso e Tabelião Augusto Costa nos seis primeiros meses. Com turmas reduzidas, a SEJ matriculou 58 alunos em aulas de tênis de janeiro a julho.

Envolvida em ajudar no combate à pandemia, a SEJ fez 210 atendimentos de pacientes pós-Covid-19 em recuperação (Projeto RespirAr) e prestou apoio à vacinação em 18 ocasiões, inclusive abrigando postos de vacinação e de testagem dentro do Parque Lara, que a pasta administra.

Ainda na saúde, a Secretaria de Esporte também atuou vinculando o tratamento odontológico de 121 crianças e adolescente de escolinhas de futebol e karatê de Trindade no Centro de Especialidades Odontológicas.

Atenta à necessidade de atividades físicas e de lazer como prevenção a problemas físicos e mentais, o esporte amador também contou com o apoio da SEJ no primeiro semestre desse ano. Foram realizadas parcerias e garantidos apoios para a realização de, ao menos, sete competições, como copas e implantação do projeto de iniciação esportiva com turmas de karatê em 65 ocasiões.

No Parque Lara, o fluxo foi monitorado, assim como exigido o uso de máscara nas atividades onde isso era possível. A unidade passou por sete operações de conservação e limpeza, com roçagem, poda, e manutenção de campos e quadras.