Encerrando as atividades da Semana Nacional do Trânsito, a Secretaria Executiva de Mobilidade e Trânsito (SMTA), realizou na manhã desta quarta-feira, 25, a última blitz educativa da campanha, na Avenida Igualdade no Setor Garavelo. Com o tema #FazBonitoAê, durante uma semana mais de 50 mil pessoas foram alcançadas por meio de blitzen educativas, marcha e passeio ciclístico, que informaram e conscientizaram a todos sobre os cuidados necessários que os pedestres e condutores devem ter ao andar e trafegar pelas ruas e avenidas da cidade.

Cantarely dos Santos, de 39 anos, é motorista de aplicativo de celular e estava a trabalho quando passou pela blitz na Avenida Igualdade. “Eu fiquei muito satisfeito com a abordagem, pois trouxe à memória as principais normas de segurança no trânsito, importância de termos atenção enquanto dirigimos. E isso é bom principalmente para mim que transporto outras vidas todos os dias, é muita responsabilidade”, disse o motorista.

O motociclista Gabriel Santana de Barros, de 21 anos, também entendeu a orientação dada pelos agentes na blitz. “É muito comum nós motociclistas sairmos cortando os carros nas vias para não ficarmos parados no congestionamento e chegarmos logo ao nosso destino e e isso é muito perigoso. Acho muito errada essa atitude e orientar a todos a fazerem o certo, respeitando o próximo, vai melhorar para todo mundo”, comentou o vendedor.

De acordo com o secretário executivo de Mobilidade e Trânsito, Avelino Marinho, as ações educativas são realizadas diariamente em Aparecida, mas foram intensificadas neste período em alusão a Semana Nacional de Trânsito. Desta forma, explicou ele, mais pessoas são alcançadas.

“Durante todo o ano estamos nas escolas e na porta delas orientando pais e motoristas. Mas não poderíamos deixar de fazer alguma ação nesta semana. Nosso objetivo durante os cinco dias, chamamos a atenção da população para o alto índice de mortos e feridos no trânsito e levantar uma discussão sobre o comportamento dos condutores. A ideia é que os números de acidentes sejam reduzidos, tendo em vista que a maior causa ainda é a imprudência”, destacou.

Segundo o secretário, além das ações educativas e de fiscalização, a prefeitura tem atuado em diversas frentes para melhorar a mobilidade urbana em Aparecida de Goiânia. “Nós temos feito investimento na infraestrutura, construindo novos eixos e viadutos, faixas exclusivas para motociclistas e ciclistas, recuperando a sinalização e também recapenado as ruas. Tudo isso ajuda num trânsito mais seguro”, disse.

Um dos projetos que visam promover mais segurança é a faixa Frente Segura, onde os motociclistas aguardam, na frente dos carros, a abertura do semáforo. Também estão sendo implantados 70 quilômetros de ciclovias e ciclofaixas para promoção da segurança dos ciclistas durante o trajeto para o trabalho ou mesmo no lazer. “Também criamos a zona 50 na Avenida Independência com o objetivo de reduzir a velocidade média dos carros, coibindo acidentes fatais”, detalhou Avelino Marinho.

Prevista na Lei 9.503, de 23 de setembro de 1997, do Código de Trânsito Brasileiro, a Semana Nacional de Trânsito é comemorada entre os dias 18 e 25 de setembro, com a finalidade de conscientizar a sociedade, focando o desenvolvimento de valores, posturas e atitudes, no sentido de garantir o direito de ir e vir dos cidadãos. Em Aparecida de Goiânia as ações foram promovidas pela Prefeitura de Aparecida, por meio da Secretaria Executiva de Mobilidade e Trânsito (SMTA), em parceria com o Departamento Nacional de Trânsito de Goiás (DETRAN-GO), alunos de Engenharia de Transportes da Universidade Federal de Goiás (UFG) e da Seguradora Aprovec.