Prefeitura incentiva os jovens na música, com o  Festival da Juventude e o  Canta Aparecida e no esporte, com o início do campeonato de futebol amador, que movimenta 900 atletas no município.

A prefeitura de Aparecida de Goiânia promoveu neste sábado atividades musicais e esportivas, que levaram lazer a centenas de jovens do município.

Durante todo o dia Estes o Festival da Juventude e o Vampeonato de Futebol Amador movimentaram a cidade.

O festival é promovido pela Secretaria Executiva de Juventude, e teve mais uma final realizada pela manhã  na Escola Municipal Maria Gomes da Silva, no setor Colonial Sul, com a presença de centenas de moradores que prestigiaram os jovens talentos da sua região.

O prefeito Gustavo Mendanha acompanhou as apresentações.

“Aparecida tem muito talento escondido, eles só precisam de uma oportunidade. E o Festival surgiu com esse objetivo, o de dar uma chance para que esses talentos sejam conhecidos, estimulando os jovens e valorizando seus dons. E a nossa expectativa é de que um dia possam seguir na carreira musical de sucesso, levando o nome de Aparecida para todos os cantos do país e do mundo”, afirma Mendanha.

Ze Matheus, venceu mais uma etapa do Festival da Juventude

O vencedor desta etapa foi o jovem Zé Matheus. Ele levou para casa, além do troféu, o instrumento musical Cajon. Em segundo ficou a jovem Anna Julia, que representou o sertanejo feminino e escolheu o instrumento ukulele como prêmio. E em terceiro vem a banda Mafia 593, que levantou a galera e levou como prêmio um pandeiro.

“Eu já estava muito feliz só por ter participado do evento, agora recebendo a notícia de que fiquei em primeiro lugar, meu coração não cabe no peito de alegria. Eu sei que é só o começo de muita coisa boa que esta por vir”, afirma Zé Matheus.

A primeira fase desta edição do Festival foi realizada na última quinta-feira, 25, onde foram escolhidos os 10 cantores e banda que se apresentariam na final.

As apresentações do Festival da Juventude fizeram parte da programação da 15ª edição do Prefeitura em Ação que beneficiou, nessas duas últimas semanas, o Parque das Nações e região. “Além dos troféus e dos instrumentos, os vencedores terão a oportunidade de cantar no palco do Aparecida é Show de 2019”, acrescentou Hanleryo Arantes.

Canta Aparecida

No segundo dia de audições do festival Canta Aparecida, realizadoo na noite desta sexta-feira, 26, mais de 30 talentos se apresentaram no palco do Centro de Cultura e Lazer José Barroso. Artistas de todas as idades e estilos musicais, expressaram seu talento e conhecimentos musicais em busca de uma das vagas para subir ao Palco da Cultura no Aparecida É Show, que começa no próximo dia 08 de maio. As apresentações foram feitas individuais, em dupla e com banda.

Morador do Conjunto Cruzeiro do sul, Gustavo Lacerda de apenas 11 anos contou que tem estrada na música ao participar de alguns concursos e ficou emocionado quando cantou a música Atrasadinha do cantor Felipe Araujo.

“Eu amo cantar, é a minha vida. E só de estar aqui, participando desse evento já da vontade de chorar de felicidade. Eu sinto que é só o começo”, disse.

Cantando a música What’s Up da banda americana 4 Non Blondes, a jovem Nanda Araújo de 17 anos deu o seu melhor no palco.

“Essa é a primeira vez que eu participo de um festival de música. No início fiquei muito nervosa, mas depois me soltei. Sinto que eu nasci pra fazer isso. Eu amo cantar e estou muito feliz em fazer parte disso tudo”, vibrou ela ai descer do palco.

Ao todo, 70 cantores se inscreveram para participar das seletivas. Na noite de quinta-feira, 25, outros 35 cantores já haviam se apresentado para a banca avaliadora formada por músicos da Casa de Música do município no mesmo local das audições da noite de ontem.

Os quesitos avaliados são voz, afinação e dicção, presença de palco, melodia musical, expressão cênica e desenvoltura do candidato e o resultado da avaliação final será publicado na terça-feira, 30, no Diário Oficial Eletrônico de Aparecida e no Facebook: https://www.facebook.com/secaparecida/.

Futebol

O Campeonato de Futebol Amador, que teve início neste sábado reune 24 equipe e 900 atletas, representantes de praticamente todos os bairros da cidade.

 

“Serão três meses de competições que mostrará o melhor time amador de Aparecida”, comentou o secretário de Esportes, Lazer e Juventude, Gerfeson Aragão.

O primeiro jogo sdisputado foi entre as equipes Rio Preto e Amigos do Riviera, no estádio do Sabiá, situado entre os bairros Colina Azul e Jardim Riviera.

As 24 equipes estão divididas em quatro grupos. O prêmio total é de R$ 25 mil reais que será dividido entre o campeão, vice-campeão, terceiro colocado, artilheiro e goleiro menos vazado. A equipe vencedora leva para casa o troféu ‘Prefeito Gustavo Mendanha’ junto à quantia de R$ 13.800 reais.

Os jogos da fase de grupos serão disputados em diversos campos de futebol espalhados pela cidade. A semifinal e final acontecem no Annibal Batista Toledo como é feito tradicionalmente todos os anos. Além de premiar os melhores colocados na competição, a Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude também irá repassar uma bola oficial para cada time antes do início da competição e ao final do Campeonato, os oito melhores classificados irão receber um jogo de uniformes.

“Este é um torneio que valoriza os esportistas de todas as regiões da cidade, reconhecendo as pessoas que promovem as competições de várzea. O campeonato também proporciona momentos de lazer e confraternização para milhares de pessoas que assistem as partidas nos bairros. Em alguns casos, os jogos do torneio são a única opção de entretenimento para diversas famílias daquela região”, enfatiza Aragão.(Com informações da Secom).