O ex – governador de Goiás Marconi Perillo [PSDB] quer disputar, em outubro de 2022, as eleições ao Palácio das Esmeraldas. É o que constata www.renatodias.online O líder tucano já exerceu o cargo quatro vezes. Na História do Tempo Presente.

Renato Dias, do seu site, Renato Dias On Line

O núcleo duro do PSDB estadual analisa que o ‘mix explosivo’ da Pandemia, a recessão global, o desmonte do Estado, a queda do PIB, o Produto Interno Bruto, a marcha do desemprego, a volta da inflação e o crescimento da economia informal mudarão o cenário político.

Palácio das Esmeraldas: sede do Governo do Estado

Palácio das Esmeraldas: a “Casa Verde” sede do Governo do Estado

2022 não abrirá espaços para supostos outsiders. É a síntese do alto clero do tucanato. Além de que o projeto nacional da sigla é eleger João Dória. Ao Palácio do Planalto. O que exigirá palanques com capilaridade social e política nas 27 unidades da federação.

 

João Dória: vôo presidencial

Alianças amplas

Marconi Perillo acredita que conseguirá se desvencilhar dos processos. Mais: viabilizar a sua candidatura. Com um amplo leque de alianças. Com a multiplicação de postulantes, DEM, MDB, PT, Psol, o segundo turno estará garantido. A sua arma política letal é o recall, do eleitor dos 246 municípios. De Goiás, após os seus  seus quatro mandatos. Os tucanos lembram que o PIB, a soma de todas as riquezas produzidas no e pelo Estado, pulou de R$ 17 bilhões, em primeiro de janeiro de 1999, para R$ 202 bilhões, em 31 de dezembro de 20 18. Com um crescimento econômico sustentável. Acima da média nacional. É este legado que Marconi pretende defender na campanha, avaliam seus aliados.

José Eliton deve presidir PSDB, em Goiás
José Eliton deve presidir PSDB, em Goiás

Perfil para o eleitor

O ex – inquilino da Casa Verde crê que o eleitor, nas urnas eletrônicas do ano que vem,  optará por um gestor público realizador. Com experiência administrativa. Distante dos palanques. Sem o olhar fixo. Somente no retrovisor. O tempo dirá quem tem razão. É esperar.

RENATO DIAS

Renato Dias, 52 anos, é graduado em Jornalismo, formado em Ciências Sociais, com pós-graduação em Políticas Públicas, mestre em Direito e Relações Internacionais, aluno extraordinário do Doutorado em Psicologia Social, estudante do Curso de Psicanálise do Centro de Estudos Psicanalíticos do Estado de Goiás, ministrado pelo médico psiquiatra e psicanalista Daniel Emídio de Souza. É autor de 18 livros-reportagem, oito documentários, ganhou 18 prêmios e é torcedor apaixonado do maior do Centro-Oeste, o Vila Nova Futebol Clube. Na Série A, B ou C. Para ele, tanto faz. Casado com Meirilane Dias, é pai de Juliana Dias, jornalista; Daniel Dias, economista; e Maria Rosa Dias, estudante antifascista, socialista e trotskista.