A ginasta Rebeca Andrade fez história e é a primeira mulher a conquistar uma medalha na Ginástica Olímpica. Ela chegou ao ouro, derrotando russas e norte-americanas com nota  15.083 e pode buscar mais uma medalha na segunda-feira, com a apresentação no solo.

O ouro consagrou a história da ginástica olímpica feminina brasileira, que teve como precursora o fenômeno Daiane dos Santos, primeira negra a se destacar no esporte ganhando o ouro em campeonatos mundiais, inspirando novas gerações de ginastas, como a super-campeã Simone Biles e a própria Rebeca Andrade.

O salto de Rebeca que alcançou 15.83 de média e garantiu o ouro em Tóquio

Rebeca colocou as mulheres do Brasil pela primeira vez no pódio, e foi com ouro! Ela já havia se tornado a primeira brasileira medalhista olímpica na ginástica artística após ter conquistado a prata no individual geral.

Fotos: Reprodução Rede Globo

Rebeca Andrade também se tornou a primeira mulher do Brasil com duas medalhas numa só edição dos Jogos Olímpicos e ainda pode ir a três pódios. A ginasta disputa a final do solo com o Baile de Favela nesta segunda-feira, às 5h57 (de Brasília).