De acordo com o levantamento, feito pelo site Poder360, se as eleições fossem hoje, 55% votariam no petista em um eventual 2º turno contra Bolsonaro, que receberia 30% dos votos.

A distância de 25 pontos percentuais estabelecida por Lula é a maior desde setembro de 2020. Em pesquisa divulgada no início de agosto, a diferença era de 20 pontos.

O levantamento foi realizado entre 30 de agosto e 1 de setembro de 2021. Foram 2.500 entrevistas em 472 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

 

Leia também:

Terceira via? Pesquisa joga balde de água fria em Ciro Gomes, Mandetta e Doria