Professora da USP (Universidade de São Paulo), Ana Estela Haddad, esposa do ex-ministro Fernando Haddad, postou em suas redes sociais a experiência que pode salvar pacientes que estão na UTI.

Por meio do Instagram e do Facebook, Ana Estela Haddad revelou a experiência da colega da USP:

“São Paulo criando protocolo animador contra a Covid-19 para o mundo: Médica Pneumologista e Patologista do HC/USP percebeu que o vírus provoca uma obstrução da microcirculação sanguínea e que é isso que provoca o colapso respiratório”.

Então, ela desenvolveu um protocolo e começou a ministrar anticoagulantes para os pacientes da UTI, que apresentaram melhora significativa!, comenta.

Odontóloga e professora orientadora do Programa de Pós-Graduação em Ciências Odontológicas da Fousp, Ana Estela reforçou:

Esse protocolo já está sendo universalizado na rede municipal de São Paulo e agora ela terminou de submeter para publicação um artigo sobre isso a toque de caixa numa importante revista científica internacional para a difusão legitimada da  descoberta, ou seja, nos próximos dias, podemos ter um grande avanço no combate à pandemia vindo de uma médica brasileira!

A experiência brasileira foi publicada no NIH (National Institute of Health), o Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos.

Para ler a publicação no NIH clique Aqui