Parte da agenda comemorativa dos 86 anos da Capital, o prefeito Iris Rezende inaugurou nesta quinta-feira, 31, a quarta Atende Fácil, central de relacionamento presencial com a Prefeitura de Goiânia. Instalada no Setor Morada do Sol, a unidade Mangalô é a segunda viabilizada por meio de parceria com o setor privado e reflete o plano de expansão da rede própria, coordenado pela Secretaria Municipal de Finanças (Sefin) com objetivo de pulverizar os locais de atendimento aos munícipes. A meta é alcançar todas as regiões da cidade.

Com capacidade de atendimento de 300 cidadãos por dia, a viabilização da Atende Fácil Mangalô teve custo zero aos cofres públicos. Coube à prefeitura apenas a estruturação da equipe, a gestão do atendimento e a manutenção do espaço. Todas as despesas, como obras físicas, mobiliário e rede lógica, foram custeadas pela Galeria Dona Beti, onde a unidade está instalada. “O conceito de união é o sinônimo e o fio condutor da Atende Fácil Mangalô. É isso que simboliza todo o processo que nos possibilitou chegar à quarta central de relacionamento com a prefeitura e também à forma como opera a Atende Fácil. O resultado deste trabalho conjunto, dessa integração entre setores público e privado, é a inauguração de uma unidade moderna, organizada, confortável para funcionários e cidadãos, planejada, bonita e, sobretudo, eficiente. A Atende Fácil Mangalô começa as atividades nesta quinta-feira já extremamente preparada para dar resolutividade às demandas dos cidadãos”, avalia o secretário de Finanças de Goiânia, Alessandro Melo.

A Atende Fácil Mangalô é a primeira instalada na Região Noroeste da Capital. As outras três estão situadas nas regiões Central e Sul. Os esforços do poder público municipal, no entanto, são para levar Atende Fácil a todas as regiões de Goiânia. O plano de expansão visa qualificar o atendimento ao público, reduzir o tempo de espera e aperfeiçoar as respostas às demandas específicas do município. A Secretaria Municipal de Finanças, inclusive, já negocia a abertura de outras unidades com o setor privado. A expectativa é que a quinta Atende Fácil seja inaugurada já no primeiro semestre do próximo ano. “Esperamos que o sucesso que tanto perseguiremos para a Atende Fácil Mangalô, a exemplo do que ocorreu com as outras unidades, nos conduza a novas e cada vez mais numerosas conquistas como esta. Queremos que esta central inaugure novos tempos na história do relacionamento entre prefeitura e cidadãos da região Noroeste, nos leve a outras unidades semelhantes pela cidade, nos direcione a novas parcerias como esta, entre a Prefeitura de Goiânia e a Galeria Dona Beti e, principalmente, nos permita qualificar ao máximo a resposta que os cidadãos tão justamente esperam do poder público”, diz.

Funcionamento

A Atende Fácil Mangalô funcionará de segunda a sexta-feira das 7 às 19 horas. Aos sábados e pontos facultativos a operação será das 7 às 12 horas. Ao todo, 29 servidores da prefeitura prestarão serviço na nova unidade que deve atender cerca de 12 bairros da região Noroeste, a exemplo do Parque Tremendão, Setor Alto do Vale, Residencial Maringá e Vila Finsocial. Na área de abrangência da central residem aproximadamente 180 mil cidadãos.

A rede Atende Fácil oferta à população mais de 300 serviços relacionados às secretarias de Planejamento Urbano e Habitação (Seplanh); Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec); Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), além da Finanças (Sefin), da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma), da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) e da Vigilância Sanitária. Nela é possível se cadastrar no Sistema Nacional de Emprego (Sine), formalizar como Microempreendedor Individual (MEI), parcelar débitos e, entre outros, se inscrever no programa Minha Casa Minha Vida.

Os atendimentos são realizados por meio de senha e há mecanismos de avaliação do serviço prestado pelos servidores. Inclusive, ao longo de 2018 as Atende Fácil realizaram quase 320 mil atendimentos com uma média de satisfação dos usuários que atingiu 99,63%, percentual acima de outras unidades com formato semelhante. O atendimento individual e a infraestrutura tiveram as melhores avaliações por parte dos cidadãos. O tempo de espera também está entre itens bem avaliados. Na unidade do Paço Municipal, o tempo médio de espera em 2018 foi de 10 minutos. Na da Cidade Jardim, de cinco minutos.

Uma das principais diferenças das centrais da Prefeitura de Goiânia em relação ao modelo padrão é que, para reduzir tempo de espera e impedir a ociosidade de um posto enquanto outro tem fila, os guichês funcionam em sistema de multiatendimento. Isso significa que não há reserva de atendimento por secretaria. Todos os guichês e funcionários estão preparados para atender à carteira completa de serviços prestados pela Atende Fácil. Além da Mangalô, a prefeitura tem unidades próprias de atendimento no Paço Municipal, Park Lozandes; Shopping Cidade Jardim, bairro homônimo; e Antiga Estação Ferroviária, Setor Central.