Prefeito confirma a reeleição no primeiro turno com uma votação histórica e diz que pretende ajudar a campanha de Maguito Vilela no segundo turno.

O prefeito Gustavo Mendanha (MDB) foi consagrado com uma reeleição histórica: 95,81% dos votos. Ele supera o seu antecessor, Maguito Vilela,  que foi reeleito em 2012 com 77% dos votos.

Em entrevista à Rádio Bandeirantes 820 AM, que transmitiu a apuração em Goiás com parceria do Onze de Maio, Gustavo Mendanha disse que esta votação aumenta sua responsabilidade para continuar inovando sua administração em Aparecida de Goiânia. A meta de tornar Aparecida um pólo de atrações de empresas continua, mas a tendência, revela, é buscar indústrias do ramo de tecnologia.

Gustavo Mendanha garante que o cuidado com a saúde permanece. Ele diz que está atendo as notícias da segunda onda do coronavírus que aflige os Estados Unidos e a Europa, e reforça seu compromisso com a vida dos aparecidenses.

O prefeito também festejou a ida de Maguito Vilela ao segundo turno em Goiânia e diz que pretende atuar pela sua eleição. Gustavo diz que estranhou o acirramento da campanha nesta reta final, sobretudo entrevistas do governador Ronaldo Caiado (DEM) e do senador Vanderlan Cardoso (PSD) que insinuaram que no segundo turno a campanha vai ser pesada contra Maguito.

“Nós somos republicanos, acreditamos no convívio democrático entre os partidos e os governantes eleitos. Estaremos trabalhando pelo bem comum da população de Aparecida de Goiânia desenvolvendo as mesmas parcerias que são realizadas entre prefeitura e governo do Estado”, frisa.

Mulheres eleitas na Câmara

Pela primeira vez duas mulheres foram eleitas vereadoras no município: Camila Rosa(PSD) e Valéria Patterson (MDB). Dos 25 vereadores, 11 foram reeleitos, o que demonstra uma renovação de cerca de 55% no Legislativo Aparecidense.

 

Veja o resultado em Aparecida de Goiânia:

  • Gustavo Mendanha – MDB – 95,81%
  • Bruno Felipe – PSOL – 1,16%

Vereadores

  1. Gilsão Meu Povo (MDB) – REELEITO 
  2. Gleilson Flávio (MDB) – REELEITO 
  3. André Forteza (MDB) – REELEITO 
  4. Élio Bom Sucesso (MDB)
  5. Lelis Pereira (PP) – REELEITO 
  6. Marcos Miranda (REP)
  7. Araújo (MDB) – REELEITO 
  8. Isaac Martins (PL) – REELEITO 
  9. Camila Rosa (PSD)
  10. Valéria Pettersen (MDB)
  11. Edinho Carvalho (PTC) – REELEITO 
  12. Erivelton Contador (PP) – REELEITO 
  13. Willian Panda (PSB) – REELEITO 
  14. Fábio Ideal (PP) – REELEITO 
  15. Hans Miller (PSD)
  16. Leandro da Pamonha (PTC) – REELEITO 
  17. Domingos Rodrigues (CID)
  18. Diony Nery (PSDB)
  19. Getúlio Andrade (PV)
  20. Sandro Oliveiro (CID)
  21. Kezio Montavão (SD)
  22. Roberto Chaveiro (PODE)
  23. Amendoim (PDT)
  24. Zé Filho (PSDB)
  25. Marcelo da Saúde (PSC)