O prefeito Gustavo Mendanha participou ontem em Brasília, de audiência pública para discutir o uso de tecnologia para o desenvolvimento da agricultura. O debate foi promovido pela Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) do Senado Federal, presidida pelo senador Vanderlan Cardoso (PP).

Vanderlan convidou o gestor municipal. A proposta da audiência foi requerida pelo senador Chico Rodrigues (DEM), de Roraima.

Pesquisa e desenvolvimento tecnológico em agropecuária, agricultura familiar e piscicultura, foram alguns dos assuntos discutidos. Gustavo Mendanha destacou que Aparecida é uma das cinco cidades goianas que terá um Polo e um Parque Tecnológico. Os projetos consistem em atrair, criar, incentivar e manter empresas de base tecnológica e instituições de pesquisa, como meio para a concretização de projetos que gerem desenvolvimento econômico, geração de emprego e renda.

“Temos o projeto pronto para implantar o nosso Polo Tecnológico, que inclusive, já está com área demarcada e mapeada. O local, além de atender as empresas de tecnologia digital, poderá abrigar e desenvolver também projetos de pesquisas voltados para a agricultura, potencializando as inovações e soluções para o produtor rural”, destacou o prefeito Gustavo ao defender a importância dos debates que vêm sendo realizados pela Comissão do Senado.

O senador Vanderlan afirmou que a Ciência e Tecnologia estão presentes em todos os setores da sociedade, por isso defende os debates sobre o assunto no parlamento federal. “A tecnologia está em tudo o que fazemos hoje e com a Agricultura, Pecuária e Abastecimento não é diferente. E o Brasil, que é o celeiro do mundo, precisa potencializar seu uso na produção de alimentos”, destacou.

O parlamentar ainda defendeu o aumento de investimentos para o setor. “Sou um grande defensor e espero mais atenção e investimento para o desenvolvimento de mais pesquisas e mais estudos para o campo”, finalizou o senador goiano na Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT).

*Bom trânsito na capital federal*

Ainda em Brasília, Gustavo bateu um papo com o senador por Goiás, Luiz do Carmo (MDB) por meio de live na rede social Instagram. Em clima de descontração, o parlamentar declarou que nunca tinha feito uma transmissão dessa forma. “Sabe que é a primeira vez que estou fazendo isso? Tudo é novidade. Você está até bonito. Tá simpático”, disse animado a Gustavo.

O prefeito, que já é influente nas redes, agradeceu por ser o primeiro prefeito a ser atendido no gabinete virtual do senador e aproveitou a oportunidade para destacar as demandas de Aparecida e investimentos que estão sendo feitos na cidade. “O senhor já tem inovado, abriu escritório em Goiânia e agora vem com o gabinete virtual para que os prefeitos possam levar suas reivindicações e falar dos seus municípios. Quero colocar alguns temas e algumas reivindicações e ver no que podemos avançar nos próximos meses em relação a recursos para Aparecida”, disse no primeiro momento.

Gustavo declarou que a gestão tem investido pesado em tecnologia para melhorar a vida dos cidadãos em áreas como a tecnologia. “Temos feito algo muito importante que é investir em tecnologia. Com inteligência nós podemos facilitar muito a vida dos agentes de segurança. Por isso, vamos investir quase R$ 50 milhões em videomonitoramento com olhos de águia e é importante que o senhor conheça o projeto para nos ajudar para que possamos melhorar mais o nosso projeto”, esclareceu.

Em resposta, o senador elogiou a gestão e destacou o projeto Cidade Inteligente que prevê a implantação de mais de 500 quilômetros de redes de fibra ótica em toda a cidade, universalizando todos os setores da administração pública e da sociedade, resultando em uma maior eficiência da gestão pública e melhor prestação de serviço gerando desenvolvimento econômico e social para o município. “Vou fazer uma visita a Aparecida e você me apresenta. Eu sou entusiasta da tecnologia”, disse Luiz Do Carmo que tem a ideia de levar o modelo para outros municípios.

Outra demanda levantada pelo prefeito de Aparecida se refere à transferência do Complexo Prisional, principalmente o regime semiaberto classificado por ele como uma caixa de pólvora. “Gostaria que o senhor, ao lado do governador do Goiás Ronaldo Caiado, nos ajudasse a encontrar uma viabilidade para transferir o Complexo para outra região da cidade para que possamos levar novas indústrias para aquele local e impulsionar ainda mais a economia de Aparecida que é um das cidades que mais geram emprego no país”, declarou Gustavo.

O senador relatou experiências em relação a segurança. “Tenho projetos para resolver essa transferência em definitivo, mas temos que resolver também por meio de projeto de lei. Conte comigo nessa pauta”, afirmou o parlamentar. “O que você, Gustavo, precisar no Senado, me procure”, finalizou.