Pelo quarto ano consecutivo, Aparecida de Goiânia é destaque no prêmio Os Mais Influentes na Política em Goiás, promovido pela Contato Comunicação.
Com 72% dos votos, Gustavo Mendanha (MDB) foi eleito o prefeito mais influente de Goiás, na categoria “Cidade com mais de 100 mil habitantes”.  O prêmio, em sua 11ª edição, tem como objetivo reconhecer personalidades que se destacam no estado.

O gestor municipal atribui reconhecimento ao trabalho que está sendo realizado em Aparecida. “Divido esse reconhecimento com todos aqueles que acreditam no meu trabalho e, é claro, isso renova meu compromisso de fazer a melhor gestão que nossa cidade já teve. Realizando obras que beneficiem a população, atraindo empresas para gerar empregos, melhorar a saúde pública e a segurança”, afirmou Gustavo que administra a segunda maior cidade do Estado, com cerca de 600 mil habitantes, número superior ao de sete capitais brasileiras.

Participaram da votação 26 pessoas, a maioria jornalistas, presidentes de entidades classistas e empresários. O resultado final do prêmio será anunciado nesta semana pela Contato Comunicação. A entrega da premiação será no início de março em solenidade presencial e on-line. “O prêmio representa a percepção dos jurados que votaram”, afirma o diretor da Contato Comunicação, jornalista Iuri Godinho.

Gustavo Mendanha foi eleito duas vezes o prefeito mais influente em cidades com mais de 100 mil habitantes no Estado de Goiás, em 2018 e 2019, na 8ª e 9ª edição do prêmio. No ano passado, na 10ª edição, foi escolhido como político promissor. “Pelo aprendizado que teve com Maguito sua prioridade tem sido em fazer uma boa gestão em Aparecida”, considera um aliado do emedebista. 

Histórico

Gustavo Mendanha foi reeleito prefeito de Aparecida de Goiânia no primeiro turno em 2020, com 197.491 mil votos, o que corresponde a 95,81% dos votos válidos. Com votação histórica no estado, ele supera os prefeitos eleitos em Goiás até então com maior porcentual de votos: José Gomes (PDT), 92%; e Antônio Gomide (PT), 89%, em Itumbiara e Anápolis, respectivamente, em 2012.

Entre as maiores cidades do país que possuem mais de 200 mil eleitores, o índice do emedebista desponta nacionalmente. Atrás de Gustavo Mendanha estão os prefeitos eleitos Humberto Souto, de Montes Claros (MG); Rubens Furlan, de Barueri (SP); e Waguinho, de Belford Roxo (RJ).

Mendanha foi vereador por duas vezes no município e ocupou o cargo de presidente da Câmara Municipal por dois mandatos consecutivos. Filho do ex-deputado estadual Léo Mendanha, Gustavo foi secretário Municipal de Esportes durante a administração do ex-prefeito Maguito Vilela.