Durante o mês das férias escolares, corporação atuará de forma sistemática e preventiva dentro e fora das unidades de ensino da prefeitura e nos parques da cidade

A Guarda Civil Metropolitana de Goiânia dá início neste sábado (29) à Operação Férias, com objetivo de reduzir ao máximo o número de furtos, roubos, arrombamentos e vandalismos nas 365 unidades da rede escolar do município e nos parques públicos municipais.

De acordo com o comandante da corporação, Inspetor José Eulálio Vieira, “o foco da operação é aumentar a segurança dentro e fora das escolas municipais e nos parques e bosques da cidade, que nessa época ficam muito movimentados”.

Na operação serão utilizadas cerca de 40 viaturas, entre carros e motos, comunicação por rádios comunicadores e cerca de 300 guardas civis.

Para o coordenador geral da operação, GCM Wellington Paranhos, serão 30 dias de operação feita de forma concatenada entre todos os componentes da GCM. ‘Contaremos com o apoio de cada uma das sete regionais e dos grupamentos da Guarda Ambiental e das Rondas Ostensivas Municipais (Romu), pois cada região é diferenciada uma das outras”, ressalta.

O coordenador finaliza pedindo à população que denuncie, através do telefone institucional 153, se notar qualquer tipo de movimentação que fuja à rotina da escola ou do próprio público. Ao final da operação que coincidirá com o encerramento das férias escolares, será emitido um relatório das ocorrências durante o período.