Não é o filho do presidente Lula que é dono de uma mansão milionária na Capital Federal, Taokei? Flávio Bolsonaro, o “01” financiou pelo Banco Regional de Brasília (BRB) um dos imóveis mais caros de Brasília.

 

O senador Flávio Bolsonaro comprou mansão em Brasília no valor de R$ 5.970.000,00, com financiamento camarada do Banco de Brasília — 360 prestações, com taxa de juros de 3,71% ao ano. O BRB tem como maior acionista o governo do Distrito Federal. A informação foi divulgada pelo site Antagonista.

Flávio Bolsonaro, o “01” e Flávio Queiroz, o asessor acusado de ser “o laranja”

De acordo com O Antagonista, os bens declarados pelo candidato ao Senado Flávio Bolsonaro somaram pouco mais de R$ 1,7 milhão, sendo quase R$ 600 mil em aplicações.

Acusado de organização criminosa, peculato, lavagem de dinheiro e apropriação indébita pelo escândalo das rachadinhas, quando era deputado estadual no Rio de Janeiro, Flávio teria de pagar R$ 6 milhões de multa se for condenado, se o juiz do caso aceitar o pedido do Ministério Público Estadual.

Este é o valor atualizado de dinheiro público desviado dos salários de assessores de Flávio, num esquema que o MPE diz ter sido coordenado pelo amigo da família Bolsonaro, Fabrício Queiroz.

Na semana passada, por 4 a 1, a Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça decidiu anular a quebra de sigilo bancário e fiscal de Flávio que embasa a ação contra ele, o que tem o potencial de garantir a impunidade do filho mais velho do presidente da República.