Revista denuncia descaso do presidente com a morte de animais, árvores e segurança da população ribeirinha.

Épocacoluna de Guilherme Amado

Enquanto o Pantanal é cada vez mais consumido pelo fogo, o governo Jair Bolsonaro enviou somente 290 militares para combater os incêndios. De acordo com o Ministério da Defesa, há 200 militares em cidades no Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. Na terça-feira (15) foram enviados mais 90 militares para Alcinópolis (MS). Outros 230 agentes de órgãos civis, como Ibama e ICMBio, também ajudam nas operações. A informação foi publicada na coluna de Guilherme Amado.

Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), a destruição chegou a quase 3 milhões de hectares no Pantanal, o equivalente à área da Bélgica, na Europa. Bolsonaro, no entanto, tem ignorado os incêndios no bioma e, nesta quarta-feira (16), acusou os indígenas do País.

 

CLIQUE AQUI E VEJA CENAS DA DEVASTAÇÃO