De acordo com matéria da jornalista Jussara Soares no Estado de S.Paulo, o secretário de Comunicação da Presidência, Fábio Wajngarten, testou positivo para coronavírus e agora aguarda o resultado da contraprova. Ocorre que Wajngarten estava em missão com o presidente Jair Bolsonaro nos Estados Unidos. Ele aparece ao lado do presidente brasileiro e do norte-americano Donald Trump.

Segundo a matéria do Estadão, o exame foi realizado em São Paulo. O presidente Jair Bolsonaro e integrantes da comitiva que o acompanhou a Miami, nos Estados Unidos, estão sendo monitorados desde a quarta-feira, após Wajngarten apresentar sintomas de gripe e ser submetido a um teste para o coronavírus. Entre o final da tarde e o início da noite de quarta-feira, o grupo passou a receber ligações do gabinete da Presidência pedindo que diante de qualquer sintoma fizesse o comunicado imediatamente e procurasse um hospital militar em Brasília para fazer os exames, segundo integrantes da comitiva que falaram com o Estado em caráter reservado. Bolsonaro completa 65 anos no dia 21.

Fábio Wajngarten participou de evento junto com o empresário Mário Garnero Filho e os presidentes Jair Bolsonaro e Donald Trump

Sophie Wajngarten, esposa do secretário de Comunicação do governo federal, Fábio Wajngarten, afirmou nesta quinta-feira (12) que seu marido fez o teste do coronavírus e deu positivo.

“Meninas , bom dia: conforme e-mail da escola ontem, meu marido voltou de viagem de Miami ontem e fez o exame de covid que deu positivo”, disse Sophie no grupo de Whatsapp das mães da escola onde estudam suas filhas.

Cancelamento

De acordo com a Agência Saiba Mais  o Jair Bolsonaro cancelou viagem que faria nesta quinta-feira (12) a Mossoró. A assessoria do Palácio do Planalto confirmou que, em razão do Coronavírus, a recomendação do Ministério da Saúde é de que o presidente evite eventos semelhantes, com aglomerações de pessoas.

Em contato com a agência Saiba Mais, a assessoria de imprensa do deputado federal general Girão (PSL) disse que o parlamentar viria ao Estado no avião presidencial e, como não tem mais voo comercial de Brasília até Mossoró, a participação dele no evento também não está confirmada.

O deputado federal Fábio Faria (PSD) disse no twitter que o evento foi cancelado.

Na comitiva presidência também estariam os ministros Sérgio Moro (Justiça e Segurança Pública), Tereza Cristina Dias (Agricultura) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional).

Do trio, apenas Marinho havia confirmado presença, segundo informações do jornal Tribuna do Norte.

Na visita de Jair Bolsonaro a Mossoró estava prevista a entrega de equipamentos de Segurança, além do anúncio de outras ações federais para o Estado.

Estimativa

Um áudio do dr. Fábio Jatene, diretor do Serviço de Cirurgia Torácica do Instituto do Coração (InCor), relata reunião com alguns dos mais renomados médicos de São Paulo que preveem 45 mil pessoas com coronavírus só na Grande São Paulo em 4 meses haverá. Do total, 11 mil precisarão de UTIs, que não existem nesse número. (Com informações do Estadão, Agência Saiba Mais, UOL e Brasil 247)