O concurso aberto da Prefeitura de Goiânia tem vagas para profissionais das áreas de Engenharia e Ciências da Computação. Embora os cargos sejam identificados no edital como Analista em Organização e Finanças, os futuros servidores vão atuar na área de Tecnologia da Informação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia de Goiânia (Sedetec).

O cargo de Analista em Organização e Finanças exige curso superior (graduação completa) em Ciências da Computação ou Engenharia da Computação, além de registro no órgão competente. Serão disponibilizadas 20 vagas: 15 para ampla concorrência, quatro para negros e uma para pessoa com deficiência.

Os futuros servidores trabalharão 30 horas semanais com o salário de R$2,723,78 e irão exercer atividades de organização, métodos e sistemas, gestão de recursos humanos, materiais e financeiros, auditoria e controle interno e estatístico visando a otimização do serviço público. As inscrições para o concurso começam no dia 19 deste mês.

O edital já está disponível no site do Centro de Seleção (CS) da Universidade Federal de Goiás (UFG). São mais de 1500 vagas para diversas áreas. Os salários dos futuros servidores podem chegar a R$ 3,452,93. O concurso teve mais vagas divulgadas para Saúde e Educação em virtude da criação de novos Cmeis e centros de saúde. Porém, o certame disponibilizou vagas para níveis fundamental, médio, técnico e superior em diversas áreas de conhecimento.

E atenção na hora de inscreverem-se no concurso. As vagas precisam de pré-requisitos e é muito importante a leitura do edital, pois lá estão as explicações das funções exercidas, horários e salários dos futuros servidores. Os candidatos aprovados serão nomeados sob o Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos da Prefeitura Municipal de Goiânia, de acordo com a Lei Complementar nº 004, de 28 dezembro de 1990.