O embaixador Chinês, Yang Wanming, anunciou o envio do insumo para a CoronaVac e a AstraZeneca em sua conta no Twitter.

Após participar de reunião com o Fórum dos Governadores para discutir o envio de insumos para as vacinas CoronaVac e AstraZeneca, o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, anunciou a liberação de Ingradiente Farmacêutico Ativo (IFA) suficiente para produção de 16,6 milhões de doses dos dois imunizantes.

“A bandeira da China, fraterna com o povo brasileiro, está comprometida em parceria de vacinas”, escreveu Wanming em sua conta no Twitter, onde também postou uma foto do encontro virtual.

Entre os participantes estavam os governadores do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB); do Piauí, Wellington Dias (PT); de São Paulo, João Doria (PSDB) e do Amapá, Waldez Goés (PDT).

Flávio Dino e Wellington Dias compartilharem o post do embaixador chinês, enquanto João Doria agradeceu ao diplomata. “Obrigado por atender nossa solicitação e pela solidariedade ao povo brasileiro, com a liberação de insumos para a produção de 16,6 milhões de vacinas para o Brasil”, escreveu em sua conta na rede social.

O líder do PCdoB na Câmara, Renildo Calheiros, também repercutiu o assunto. “Boa notícia!”, comemorou, destacando que o IFA chegará ao Brasil nos próximos dias.