Em Goiás, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES), já foram feitos 571.498 exames RT-PCR. Destes, Aparecida realizou quase a metade e é a campeã de testagem no Estado, com média de 5 mil exames diários que totalizam 257.106 testes

Aparecida de Goiânia completa nesta quinta-feira, 22 de abril, um ano de testagem em massa para a covid-19 com o exame RT-PCR, considerado internacionalmente pelos especialistas como o melhor para esse tipo de diagnóstico, o “padrão ouro”. A estratégia segue a orientação da Organização Mundial de Saúde (OMS) de “testar, monitorar e cuidar”, adotada pelo município desde o inicio da pandemia e consolidada em 12 meses de testagem ininterrupta e que atinge hoje mais de 257 mil análises já realizadas com uma média semanal de 7 mil testes.

“Nossa prioridade, mesmo antes da pandemia, já era a Saúde Pública. Aí veio a maior crise sanitária mundial e nos mobilizamos rapidamente, desde o inicio, para proteger nossa população e salvar vidas. Então, à luz da Ciência, com muito planejamento e diálogo com a comunidade, decidimos deter a circulação do novo coronavírus com diagnósticos precoces da infecção e o isolamento, monitoramento e tratamento eficaz dos casos positivos”, relata o prefeito Gustavo Mendanha.

Testagem para salvar vidas

O chefe do Executivo Municipal salienta que no primeiro mês do enfrentamento à pandemia em Goiás, março de 2020, Aparecida realizava apenas 15 testes RT-PCR semanais que eram ofertados pela SES no Laboratório Estadual de Saúde Pública Dr. Giovanni Cysneiros, o Lacen, unidade responsável por atender a todas as cidades goianas. “Sabíamos que era muito pouco diante da ameaça que crescia vertiginosamente em todo o planeta e então contratamos um laboratório privado local e passamos a fazer 300 exames diariamente. De lá para cá não medimos esforços para ampliar a testagem e hoje realizamos cerca de 1.500 RT-PCR’s diariamente”, enfatiza o prefeito.

O secretário Municipal de Saúde, Alessandro Magalhães, ressalta que os testes já realizados correspondem a mais de 45% da população de Aparecida (590.146 habitantes, segundo o IBGE) e têm contribuído decisivamente para salvar vidas, reduzir agravamentos de casos positivos, respaldar as decisões do Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19 e monitorar a situação real da pandemia no município. “Aparecida é referência não apenas em testagem ampla, mas também em monitoramento dos infectados, que são orientados e acompanhados pela equipe de Telemedicina da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) com exames laboratoriais a cada 48h, tomografia computadorizada e oxímetros que são emprestados para os pacientes levarem para casa”, acrescenta o gestor.

Estrutura de qualidade e equipes treinadas

Alessandro Magalhães ainda complementa: “Para quem precisar de internação, o município conta com 176 leitos de UTI e 176 de enfermaria específicos para tratamento da covid-19 com todos os equipamentos necessários e o suporte de equipes altamente treinadas. A SMS tem recebido total apoio do prefeito Gustavo Mendanha, que acompanha pessoalmente todos os dados e decisões relativos à pandemia e exige de nós a melhor atenção possível para a população. Ao mesmo tempo, nossos trabalhadores, de todas as áreas, servidores administrativos, o pessoal da limpeza e manutenção, gestores, pessoal da linha de frente, todos, estão fazendo um ótimo trabalho não apenas de maneira técnica e científica, mas humanista e com tremenda dedicação. Quero agradecer a cada um deles por tudo o que têm feito”.

Como agendar o teste

De acordo com a coordenadora da Atenção Especializada da SMS, Loanny Moreira Barbosa, a pessoa que apresentar sintomas ou tiver tido contato com pessoas positivas pode solicitar o agendamento do teste pelo aplicativo Saúde Aparecida. O acesso à plataforma também pode ser feito pelo site da Prefeitura de Aparecida (aparecida.go.gov.br). Pelo aplicativo o paciente faz o cadastro pessoal com o número do CPF e Cartão SUS.

“Essa ferramenta fortalece nossa estratégia de testagem com encaminhamentos mais ágeis e personalizados. Na página inicial, ao clicar a opção ‘Agendamento teste de Covid-19’, o usuário preenche um pequeno questionário sobre os sintomas que tem apresentado e o sistema encaminha para agendamento em algum dos locais de testagem ou recomenda que o paciente procure uma unidade de saúde, conforme sua situação clínica”, informa a coordenadora. O agendamento também pode ser feito pelo telefone 0800-646-1590.

Onde testar

Em Aparecida, o exame RT-PCR é realizado em dois postos de drive-thru (Cidade Administrativa e Hospital Garavelo) e em oito Unidades Básicas de Saúde (UBS’s Alto Paraíso, Chácara São Pedro, Garavelo, Independência Mansões, Expansul, Tiradentes, Buriti Sereno e Pontal Sul). Em todos os locais o teste só é realizado mediante agendamento prévio. Nas UBS’s também é possível fazer mediante encaminhamento médico. Já nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA’s) e hospitais da cidade, o teste é feito em pacientes internados.