Aos 90 anos ele é reconhecido pela contribuição pelas fotos da Capital nas décadas de 1950, 1960 e 1970 e pelos primeiros registros de Brasília.

Hélio de Oliveira (no centro da foto), 90 anos, é o Grande Repórter Fotográfico da História de Goiânia e de Brasília. Guarda em sua casa, onde vive ao lado da Esposa, dona Maria, um acervo fotográfico de valor incalculável, que ele entregou aos cuidados do filho Hélio Jr.

Também atuou durante a construção de Brasília, que cobriu desde a primeira visita de Juscelino Kubitschek , para o lançamento da Pedra fundamental, até à inauguração.

Nascido em Buriti Alegre, extremo Sul de Goiás, Hélio chegou a Goiânia quando muito jovem. Desde então, documentou as atividades politico-administrativas de todos os governadores, de Pedro Ludovico a Marconi Perillo.

Nesta semana Hélio recebeu a visita de dois amigos, Eurico Barbosa, orador oficial da AGI, e Valterli Guedes, presidente. A conversa durou cerca de duas horas.

Na oportunidade, Valterli e Eurico comunicaram a Hélio, e a seu filho Hélio de Oliveira Jr, Curador de seu Acervo, que ambos serão homenageados pela Câmara Municipal de Goiânia, durante Sessão Especial, proposta pelo vereador Anselmo Pereira, comemorativa aos 85 anos da Associação Goiana de Imprensa. Pai e filho receberão Diplomas de Mérito pelo importante trabalho que realizam em prol da História.
( Foto: Hélio de Oliveira Jr).